Porcelanataria: peças únicas e duráveis

O uso de porcelanato na confecção de bancadas e mobiliários tem sido cada vez mais requisitado em projetos. Entenda como empregar o revestimento dessa forma e inspire-se  

Florence 12 (Pol 162x324cm), da Decortiles, reveste a bancada e as paredes do projeto.

O porcelanato surgiu por volta da década de 80, na Europa. Seu nascimento se deu pela necessidade de revestimentos que fossem de mais fácil instalação e que apresentassem mais modernidade em sua estrutura.  

Com a inovação do cenário de design de interiores e arquitetura, alguns itens passaram por repaginações que dariam possibilidades de usos inusitados a materiais igualmente inusitados: assim veio a porcelanataria. O revestimento que apresenta grandes dimensões, também chamado de lastras, podem ser utilizadas na confecção de mobiliários, bancadas, cubas, entre outros. 

Queridinha do momento, a porcelanataria toma aspecto de elegante, exclusiva e muito prática! A graciosidade pode ser notada através da excelência das pedras de porcelanato, a exclusividade por meio da unicidade que a natureza oferece e, por fim, a praticidade, uma vez que higienizar este material é muito simples.   

“Mancebo”, projetada por Em Dois Design, inclui o produto Basco 12 (Pol – 162x324cm), da Decortiles.  Foto: Evelyn Muller 

Além destas qualidades, podemos citar que para quem busca estar por dentro das tendências utilizar porcelanataria em seu décor é uma ótima investida. Protagonista em diversos ambientes de exposições de arquitetura e design de interiores, ela promete ser uma peça única e muito especial.  

Projetada por Alexandre Brunato, a mesa Grid é confeccionada do produto Petróleo (160x320cm), da Decortiles. Foto: Evelyn Muller